quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

Rectificação

O filme do ano é "Um Profeta" de Jacques Audiard.Ponto.

Dicotomias

As gerações mais velhas achincalham os mais novos. As gerações mais novas, por sua vez, achincalham-se entre si. É assim o jornalismo em Portugal! Mas porque carga de água fui eu escolher esta profissão. Respira. Respira. Respira.

segunda-feira, 28 de dezembro de 2009

Os filmes do ano!



«Home», Lar Doce Lar, de Ursula Meier



«Tetro» de Francis Ford Coppola



«O Almoço de 15 de Agosto» de Gianni di Gregorio



«Los Abrazos Rotos» de Pedro Almodóvar



«Um conto de Natal» de Arnaud Desplechin



«Shotgun Stories- Histórias de Caçadeira» Jeff Nichols


E ainda...

«Che – O Argentino/A Guerrilha» de Steven Soderbergh
«Séraphine» de Martin Provost
«Andando» de Hirakazu Kore-eda

Não estão por ordem nem tão pouco são filmes geniais. Foram aqueles que marcaram pela sua originalidade, por vezes apenas graças à interpretação de um actor/actriz. Foi um ano de poucas emoções.

sexta-feira, 25 de dezembro de 2009

And so this Christmas...

Natal é...

beber moscatel numa rua apinhada de pessoas (é a única tradição digna de registo em Braga)
não ligar aos presentes, mas sim às pessoas
desligar o televisor
doses absurdas de Party & Company, Scrable e sueca (estou uma craque)
Licor Beirão
dormir muito



terça-feira, 22 de dezembro de 2009

Coisas que me enchem de orgulho...

Como ultimamente não tenho novidades nem coisas interessantes para partilhar, what a boring life, aqui está um facto assinalável. É já no dia 23 deste mês que sai cá para fora "Sonhando o que te contarei mais tarde". Um livro que compila alguns contos de um amigo meu, que é só uma das pessoas mais inteligentes e cultas que já se atravessaram na minha boring life. E estou simplesmente orgulhosa.

quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

Casamento gay


Embora eu saiba perfeitamente que a «jogada» do Sócrates tenha sido meramente eleitoralista (Com o cenário iminente de eleições antecipadas, ninguém está aqui a pensar que o nosso primeiro é um defensor acérrimo dos direitos dos gays e lésbicas, pois não?) Mesmo assim, é bom saber que Portugal vai recuperar décadas de atraso ao aprovar a proposta de lei que permite o casamento entre pessoas do mesmo sexo. Estou confiante que é desta. Se o Cavaco não se lembrar de fazer das suas. Nesta altura ele devia dedicar-se em exclusivo à prova de Bolo-rei. É o que eu acho.

E já agora, Parabéns aos Simpsons e ao seu criador! O melhor humor inteligente dos últimos 20 anos.

P.S - Não senti tremor de terra nenhum. O Norte até nisto consegue ser uma chatice. Não se passa nada. No entanto, alguém que eu gostaria de conhecer, conseguiu sentir o sismo em Braga.

quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

Os génios no cinema



São por filmes como este, tão simples e humanos, que sou hoje apaixonada pelo cinema. Se eu tivesse que optar por outra área que não o jornalismo seria esta.

domingo, 13 de dezembro de 2009

Fim-de-semana rural



"Numa tarde de poalha, a vista sobre a albufeira de Carrapatelo, nas imediações de Porto Manso, Porto Antigo, apresenta-nos a poesia e o sortilégio que nos diz que a "vida é bela"..."

sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

Uma Heroína!


Mesmo debaixo dos nossos olhos a vergonha de quem nada faz...Madrid e Rabat.

I'm a country girl, baby!



Há coisas que denunciam a nossa idade, como por exemplo fazer turismo rural no interior do país. Queijos da serra, fumados e um bom vinho. Chama-se qualidade de vida! Será assim nos próximos dias. E aqui segue uma música para acompanhar. Ladies and gentlemen let me introduce you to Sir Charlie Wilson. É engraçado, mas eu tenho esta mania de dar bandas sonoras a quase tudo. Aos momentos, aos amigos e sobretudo a pessoas importantes da minha vida. Cada uma delas tem uma música a condizer. Uma espécie de etiqueta musical.

P.S -
Apraz-me a ideia deste blogue ser visitado por alguém que está na terra do bacalhau e dos prémios Nobel. (Se é que esta coisa do canto direito está correcta).

quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

Le parfum

Estou de férias. Teoricamente, porque na prática ando aqui às voltas com a Cimeira de Copenhaga, dos minaretes e coisas que tais. Por isso às vezes preciso de coisas mais ligeiras para sossegar a alma, como perfumes.
Confesso que sou um pouco parva por perfumes. Nada de grave, confesso. Mas sou capaz de virar costas na rua só para reparar quem usa determinado aroma. Até aqui também nada de grave, pois são raras as vezes em que me cruzo com um rapaz com um bom perfume. Sim, os perfumes de homens são deveras os melhores.
Mas há outra coisa que me agrada neste mundo dos aromas. A publicidade e as vozes. Ultimamente tenho encontrado por aí boas surpresas no que toca à combinação visual e sonora. E antes de incorrer numa leitura semiótica e que me chamem de fútil, aqui ficam umas amostras de coisas que resultam muito bem, rematadas por vozes que eu considero...deliciosas.



segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

O que é preciso é animar a malta

Será que já foi instituído o "Dia da Pessoa Sem Vida Pessoal"? Eu posso ser membro fundador. Estou disponível. Afinal, mais um trabalhinho aqui outro ali, menos uma hora de sono. Acho que é ainda possível. O que é preciso é criar um lobby. Se o Manuel Alegre conseguiu, porque é que eu não hei-de conseguir? Petições, marchas de protesto, manifs...venham elas!

segunda-feira, 30 de novembro de 2009

Perdida...




Os castings são a coisa mais ridícula que já inventaram. Mas hoje fui a um. Os castings significam quase sempre espera longa e entediante, em que se pode observar pessoas nervosas à entrada e aliviadas à saída! Desiludidas ou com excesso de confiança.
E no próximo domingo vou ser entrevistada num canal de televisão. Duas coisas que abomino a acontecerem na mesma semana. Falta agora saber em qual das duas me vou sair bem!
Entretanto, vou regressar às minhas personagens perturbadas de "Perdidos na América". Leitura divertida para os minutos livres. Que são cada vez menos.

domingo, 29 de novembro de 2009

A melhor Juventude

Já não há nada fazer. Entrei nos 25. Vistas bem as coisas é uma idade ideal para projectar o futuro. Deixemos essa coisa dos balanços para daqui a uma década. Quando chegar aos 35, aí sim, penso seriamente numa viagem a bordo do The Darjeeling Limited. Viagem de descoberta ou de cura espiritual. Who konws! Por agora tudo é inconstante. Vive-se o presente com sofreguidão. Quero fazer tudo ao mesmo tempo. Não tenho medo de perder. Os riscos agradam-me. Os sonhos corrupiam pelo espaço e eu… «Vou continuar a procurar o meu mundo, o meu lugar
Porque até aqui eu só…»

quarta-feira, 25 de novembro de 2009

...26 mortes

10.º aniversário do Dia Internacional para Eliminação da Violência Contra as Mulheres



terça-feira, 24 de novembro de 2009

Para embalar as noites de Inverno...

domingo, 22 de novembro de 2009

Escapadela a Bruxelas e Brugge


Parlamento Europeu



Grand Place


Ora cá está o Menino mijão (Manneken Pis). Desta vez, envergando uma encharpe muito fashion! Depois há ainda a menina mijona, que fica numa zona mais escondida do centro.




Zona de restauração da Grand Place. Cheira a peixe todo o dia e toda a noite!



Atomium. Para chegar a Heysel passei mais de 1h enfiada num Tram. Ia enlouquecendo!


Livros e copos. Haverá melhor combinação?



Degustando a cerveja belga num dos mais famosos bares de Bruxelas. Delirium Café (elefante cor-de-rosa)




A tradição diz que as moças belgas (solteiras) tocavam na mão para pedir um desejo. O desejo era por norma encontrar um noivo nesse mesmo ano. Obviamente que não pedi desejo nenhum. Não sou parva!





BRUGGE






Fica a 1h de Bruxelas, mas como apanhei o comboio errado (em parte) demorei mais. É que o francês/holandês confundiu-me toda. Primeira impressão. É bom andar a pé pelas ruas da cidade.




A arquitectura da cidade parece tirada de um filme.




Brugge é considerada a "Veneza" da Bélgica por causa dos seus canais. É uma cidade pacata, romântica e nesta época do ano com poucos turistas.




Praça principal de Brugge ou Mercado




Um dos milhares de museus que existe em Brugge. Há museus sobre o chocolate belga, diamantes, arquitectura gótica...



38 pessoas a bordo, a maioria terceira idade e casais de namorados. Estão a ver o filme desta viagem, não estão?



Waffles e chocolates são uma especialidade da região de Brugge. Mais a baixo da Praça Principal podem encontrar a Casa Dumon, onde se fazem chocolates à mão. A velhinha do outro lado do balcão (muito simpática) disse-me que os seus chocolates são recomendados pela Press Mundo Portugal. Lá tive de abrir os cordões à bolsa e ganhar mais uns quilos.




Mais do que Bruxelas, quero muito voltar a Brugge. Por tudo aquilo que não consegui ver...


quarta-feira, 18 de novembro de 2009

Tetro


Verdadeiramente poético o novo filme de Coppola. Acabo de vê-lo! O preto e branco fica-lhe bem.

segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Delírios


Tenho uma viagem de avião marcada para quinta-feira. Só espero que o avião seja sequestrado por elementos de uma qualquer seita religiosa (não sou esquisita), desviado para o Pacífico e que caia próximo de uma ilha deserta (algo paradisíaca, com a areia branca, cocos e corais. Vá! Na Nova Caledónia). Pode haver mais sobreviventes, aliás podem sobreviver todos os passageiros, mas eu quero ficar com uma ilha só para mim. Ficar absolutamente só, que é para ver se arranjo tempo para dormir. Essencialmente isso. Depois lá podia encontrar uma biblioteca enorme que me entreteria as horas até ser resgatada. E chega por hoje...

quinta-feira, 12 de novembro de 2009

É pra amanhã...



Nasceu em Braga, deixou-nos demasiado cedo, mas a sua música e irreverência continuam a influenciar gerações. Pelo menos a minha. A mim. Os objectos pessoais de António Variações, que iam do Kitsch ao vintage, estão hoje em leilão no Centro Cultural de Belém, em Lisboa.
Desde os 10 aos mil euros de licitação, há mais de 300 peças. Eu como sou uma cidadã pobrezinha, só podia comprar uma boquilha de cigarro.
António variações morreu, no mesmo ano em que eu nasci, foi há 25 anos.

terça-feira, 10 de novembro de 2009

segunda-feira, 9 de novembro de 2009

Viciada



Ao rever o filme de Ursula Meier, Home, fiquei viciada nesta música de Nina Simone. Foi um fim-de-semana em loop. Mas se escutarem o tema até ao fim vão perceber o vício que nos causa e os arrepios lá para o fim. Estarei a transformar-me numa sentimental incurável ou é só bom gosto?

sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Hey!

Depois de mais de 12 horas de trabalho, das chatices, dores de cabeça, mau génio, depois de os meus olhos ficarem verdes de tanto chorarem pelo Paulo Bento, despeço-me com alegria. Alegria de um fim-de-semana em que volto à "vida". Mesmo que sejam só por dois dias e algumas horas!
My heart is beating like a Jungle Drum. Oh yeah!


quarta-feira, 4 de novembro de 2009

Lugares comuns

- Odeio o Mundo. O Mundo tá uma ganda merda!
- Tá mesmo!
- Menos as damas. É claro!




in "A Esperança está onde menos se espera"

sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Concertos? Nem vê-los!


2009 eleito o pior ano no que toca a idas a concertos. Sinto-me realmente frustrada, porque têm passado por cá nomes que eu gostava de ir ver, mas há sempre qualquer coisa a impedir. No imediato, gostava de assitir ao concerto de Emiliana Torrini, no CCVF, mas não tenho tempo. Como boa portuguesa que sou, deixei para a última a compra do bilhete para o concerto dos Kings of Convenience, os fofos que me acompanham nos dias chuvosos de Inverno, que está esgotadíssimo. Muse estão colados ao meu aniversário o que inviabiliza qualquer escapadela à capital.

Resta-me os Hercules and Love Affair no Clubbing de Dezembro da Casa da Música, no dia 4. Alguém por aí faz-me companhia?

segunda-feira, 26 de outubro de 2009

Me Llaman Calle



Uma noite inteira a calcorrear as ruas, vielas e bares do Porto, à chuva e até às seis da manhã. Já tinha saudades!

Intermitências

Ultimamente ando com as minhas botas muito pesadas. É como se estivesse tudo bem, aparentemente, mas na realidade existe um enorme vazio. Daqueles que dão um nó na garganta. Não estou a deprimir nem perante uma crise existencial, nada disso! Simplesmente, sou menos eu e mais outra pessoa.
Se me virem por aí, podem sempre dar-me um abracinho.



P.S - Uma mensagem dirigida ao núcleo duro de amigos (as). Sou muito sectária. Eu sei.

quarta-feira, 21 de outubro de 2009

Quem fala verdade não merece castigo!



Adoro ver esses puritanos do clero e a burguesia chauvinista todos ofendidos com as palavras de José Saramago sobre a bíblia. É um manual de maus costumes, sim, e um catálogo de crueldades.

É terrível quando a ignorância entra em acção e Saramago percebeu isso desde que foi viver para outro país. Este país também me cansa e parece já não ter salvação.

quarta-feira, 14 de outubro de 2009

Arranjem-me um trabalho aqui!

Faço anos em Novembro e acho que era forma bonita de me presentearem. Eu mereço dar o salto. Todos merecemos. Mas quando é que chega esse dia?

sexta-feira, 9 de outubro de 2009

Bizarro


Barack Obama - Prémio Nobel da Paz 2009.


Até fui obrigada a interromper a minha "abstinência" para vir cá postar. Afinal, Obama não é Martin Luther King. Ou bastará ser negro e fazer meia dúzia de acordos para se ganhar um nobel?

quinta-feira, 1 de outubro de 2009

Un petit souvenir


video

Le Fabuleux Destin d'Amelie Poulain numa versão acústica, em pleno Montmartre, e feita por mim. Tenho um futuro promissor pela frente. Fiquem atentos!

One day we're gonna live in Paris




L'Isle Adam. La campagne est belle!





hmmmmmm



O Luís XIV batia muito mal! O jardim principal de Versalhes. Faltam os outros três, igualmente minúsculos como devem calcular.






Parece um postal, mas é a vista que se tem em Trocadero.



Vista sobre Paris, em Montmartre. Magnifique!







Montmartre. Quero viver aqui com todos os meus amigos!




Jardins do Luxemburgo. Très, très, romantique!



Arco do Triunfo. À borla até aos 25 anos. É subir lá em cima e vislumbrar as 12 avenidas de Paris. Esmagador!






A mousse oferecida por Salama. O homem que sabe falar cinco línguas, mas nenhuma delas é o português. E era ver-nos a misturar tudo!




Falta aqui o nosso guia de conversação, que contém coisas tão importantes como: "Queres ir pra cama comigo?" ou "Protege-se do VIH?" No início não parece, mas dá jeito!






Passagem rápida pelo Louvre...com a promessa de voltar cá!

terça-feira, 29 de setembro de 2009

Se calhar era melhor...



Paulo Bento foi suspenso 12 dias. E eu já nem quero ouvir os resultados dos jogos. O último foi dentro de um avião, enquanto sobrevoava ali um determinado estádio e o piloto disse que lá em baixo havia festa. O Porto tinha ganho ao Zzzporting. Foi uma chegada turbulenta a Portugal. Vou engolindo em seco.

Ambas gostamos de refilar


Já não se inventam personagens de BD como antigamente!

domingo, 27 de setembro de 2009

Ainda ontem estava em França...


Não tenho tempo para entrar em pormenores, até porque hoje é dia de eleições. Posso apenas dizer que andei estes dias por Nerville-la-Forêt, L'Isle Adam, Versailles, Paris, Auvers. Entre o campo e a grande cidade. Ou como agora dizemos la belle campagne. Ah Oui! Relatos e fotos desta viagem fabulosa em breve.

segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Pelos meandros da máfia


Ouvir e ver Roberto Saviano, este fim-de-semana, foi para mim uma lição de vida. Lição de vida, enquanto jornalista e pessoa. Não li o livro, mas vi o filme, se bem que segundo o próprio são coisas muito diferentes.

Pareceu-se ser uma pessoa, que vive numa espécie de limbo. Não está morto, mas é como se estivesse nestes últimos três anos. Notou-se pelas palavras, mas sobretudo pelo olhar.

Tive a sorte de ir acompanhada por uma Italiana, caso contrário o entendimento da conferência teria sido diferente. Os italianos sabem do «sistema», toda a gente sabe, mas ninguém diz nada, porque simplesmente nada podem fazer para alterar as hierarquias. No sul da Itália ou és da máfia ou então estás lixado.

No final saí de lá com a sensação que conheci um figura que está a fazer história em Itália. Alguém de facto importante. E ainda por cima é giro!


P.S.1 - Já sei que pelos vistos apareci na televisão a fazer aquele meu tique com o cabelo.
P.S.2 - Frases que gostei: «A máfia não tem medo de mim, mas sim dos meus leitores»; «A cocaína é uma espécie de paliativo contra o cansaço. Quando é usada para ajudar a tua família, então tem uma justificação»; «Falar das contradições é resistir»; «A palavra mete medo ao poder»; «Não me interessa saber quem é deus, interessa-me saber de que lado ele está»...Roberto Saviano.

sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Buoommmba!



São casos como este, que a confirmarem-se, aproximam a política portuguesa...deixa cá ver que eu não quero parecer exagerada...a Berlusconi, Bush ou Sarkozy. Deve andar muito perto. E isto de se dizer por aí, que eles são todos «farinha do mesmo saco» nunca fez tanto sentido como agora. Ainda assim um caso jornalístico interessante.